hospedagem

Desempenho e velocidade do site

A velocidade é um dos aspectos mais importantes do seu site porque seus visitantes esperam ter uma experiência rápida e tranquila. Neste guia, abordamos o que contribui para a velocidade do site, quais ferramentas usar para medi-la, quais informações essas ferramentas fornecem e um exemplo de como melhorar a velocidade de um site real. 

Este artigo é voltado principalmente para sites com os planos WordPress.com Negócios e eCommerce que tenham plugins e temas instalados, já que isso costuma ser a principal causa de carregamento lento em um site. 

Sumário

Sites gratuitos ou com planos Pessoal/Premium

Os fatores que mais contribuem para a geração de problemas e preocupações relacionados à velocidade de um site são plugins e temas de terceiros. Isso ocorre porque eles não podem ser instalados em sites que não tenham os planos Negócios ou eCommerce.

Plugins não podem ser instalados em sites gratuitos ou com planos Pessoal/Premium. Além disso, apenas os nossos temas integrados, todos desenvolvidos com o mais alto padrão, podem ser usados e não deixam seu site lento. Temos diversas camadas de armazenamento em cache e otimização, feitas no back-end para garantir o carregamento rápido do seu site em todo o mundo. 

Criar páginas e posts com centenas de imagens sem otimização com certeza deixará seu site lento. Se um post ou página precisar ter muitas imagens, siga nosso guia de suporte para otimizar suas imagens na visualização da Web.


↑ Tabela de Conteúdo ↑

Ferramentas para medir a velocidade de um site

Há diversas ferramentas para medir a velocidade de um site. Veja algumas:

Ferramentas de desempenho de sites automatizadas fornecem recomendações gerais. Elas são úteis para identificar algumas práticas recomendadas e oportunidades de aprimorar a velocidade do site. Porém, essas ferramentas não levam em conta plataformas de software específicas, como o WordPress.com, ou aspectos necessários para manter seu site funcionando bem e com uma boa aparência.

Por exemplo, o Google PageSpeed Insights geralmente recomenda remover bloqueios de renderização CSS e JavaScript. No entanto, fazer isso teria um impacto mínimo na velocidade e atrapalharia a aparência e o funcionamento adequado do seu site.

Por exemplo, até mesmo um dos sites pertencentes à Google tem uma pontuação baixa:

https://developers.google.com/speed/pagespeed/insights/?url=fonts.google.com

Isso não significa que o site seja “ruim”. Ele apenas não atende a verificação de regra rígida das ferramentas automatizadas que testam o desempenho.


↑ Tabela de Conteúdo ↑

Como fazer o site ter um bom desempenho

O ideal é que o site seja carregado o mais rápido possível. Isso envolve conciliar funcionalidades que você ache necessárias com a exibição do conteúdo na máxima velocidade que pode ser alcançada. 

Em média, em toda a Web, um site pode levar de 4 a 5 segundos para ser carregado. No entanto, isso pode variar devido a diversos fatores, sendo os mais comuns: 

Plugins instalados

Um site com um número excessivo de plugins pode demorar mais para ser carregado. Isso acontece porque seu site está processando mais códigos até ser carregado completamente.

Pode ser que você ache que alguns plugins são necessários, mas se o desempenho do seu site for afetado, talvez seja melhor reavaliar essa necessidade. 

Como regra geral, procure usar o menor número possível de plug-ins. Observe que as seguintes categorias de plugins não são necessárias no seu site do WordPress.com:

  • Segurança e SSL
  • Backups
  • Armazenando em cache
  • Otimização e velocidade do site
  • Gerenciamento de banco de dados
  • Teste
  • Proteção antispam
  • Redefinições de site

Todas essas funções são gerenciadas pelos nossos planos WordPress.com Negócios ou eCommerce. Além disso, quando você instalar esses plugins, eles podem interferir nas funcionalidades de desempenho integradas do seu site. Verifique a lista completa de plugins incompatíveis.


Scripts de terceiros

A transmissão de vídeos e widgets a partir de serviços como o YouTube, o Vimeo, o Soundcloud, o TripAdvisor, o Google AdSense, o Twitter e o Facebook também pode afetar o tempo de carregamento. Isso ocorre porque essas partes do seu site/conteúdo estão sendo extraídas de uma fonte externa e o serviço precisa terminar de ser carregado antes do carregamento total do site ser concluído. 

Apesar de ser necessário aguardar, o tempo de espera costuma ser fracionado, com atrasos sendo mais perceptíveis em páginas com maior número de material incorporado.


Otimização de imagens

As imagens que não são otimizadas antes de serem enviadas podem afetar negativamente a velocidade de carregamento do seu site. Isso ocorre porque arquivos de imagens maiores estão demorando mais para serem carregados. 

No entanto, você pode otimizar suas imagens antes de fazer upload delas. Neste guia, você encontrará mais informações sobre como fazer suas imagens serem carregadas o mais rápido possível.


Temas

O tema escolhido controla o layout e o design do seu site. Com os planos Negócios e eCommerce, você faz upload de qualquer tema a partir de qualquer criador, não apenas da vitrine de temas do WordPress.com. Isso amplia seu leque de opções de milhares de temas, mas tenha em mente que outros temas podem não ter sido desenvolvidos visando otimizar a velocidade.

Ao escolher um tema, você poderá ver as avaliações que ele recebeu, além do número de instalações ativas, a última atualização e a compatibilidade. É importante considerar esses aspectos ao escolher um tema.

Alguns dos temas mais bonitos podem ser os piores no quesito velocidade se vierem com muitas funcionalidades. Tenha cuidado ao escolher seu tema e considere escolher um que só contenha as funcionalidades necessárias, e não várias opções adicionais.


Setor 

O setor que você atende também pode afetar o desempenho e o carregamento do seu site. O carregamento de sites dos setores automotivo, de turismo, de varejo e de entretenimento tendem a demorar mais, principalmente porque eles são mais pesados e têm muitas funcionalidades (mídia, estilos e scripts) a serem carregadas.

↑ Tabela de Conteúdo ↑

Teste de desempenho de sites | GTmetrix

Para medir a velocidade do seu site com o GTmetrix, acesse https://gtmetrix.com/, insira a URL do site na caixa de texto e clique em Analyze (Analisar).

Quando o sistema terminar a análise, você poderá ver as pontuações PageSpeed e YSlow para o seu site:

Resultados de velocidade de site do GTmetrix

Na caixa Page Details, Fully loaded time exibe os segundos necessários para carregar seu site completamente. Se o site for completamente carregado em até 3 segundos, ele será considerado rápido. 

Para mais informações sobre as ferramentas PageSpeed e YSlow usadas pelo GTmetrix, confira a documentação oficial.

Um site padrão do WordPress.com em um plano Negócios com plugins personalizados integrados e um tema padrão ativado é carregado em cerca de 1 segundo.

Total Page Size indica o tamanho total da página, incluindo todas as imagens, vídeos, scripts e outros arquivos. Quanto menor o tamanho da página, mais rápido o site será carregado.

O mesmo se aplica ao número de solicitações em uma página, exibido em Requests. Esse número representa quantos arquivos diferentes são carregados para exibir o site completamente. Quanto menor esse número, mais rápido será o carregamento, pois são menos arquivos.

A maioria das solicitações de páginas HTTP costuma vir de diferentes plugins, e cada plugin aumenta um pouco o peso do site. Por isso, sempre exclua os plugins que você não usar.

Todos os indicadores acima representam uma visão geral do site, mas não exibem informações granulares, que são essenciais para determinar o que demora mais para ser carregado e o que pode ser otimizado. Para obter essas informações, clique na guia Waterfall no GTmetrix.

A guia Waterfall exibe a origem dos arquivos carregados, o tamanho deles e o tempo necessário para o carregamento. É possível clicar nos cabeçalhos de todas as colunas para ordenar os itens carregados por hora ou tamanho, por exemplo.

Nessa guia, é onde você passa mais tempo para descobrir o que deixa seu site lento. Se alguns arquivos vierem de um plugin personalizado que está deixando seu site lento, mas não é realmente necessário, considere desativar esse plugin. Em seguida, execute o teste de velocidade novamente para ver como isso ajudou no desempenho do site.


Esperamos que essas dicas, ferramentas e truques para otimizar seu site tenham sido úteis. Se tiver alguma dúvida, fique à vontade para falar conosco por aqui.