Ferramentas, hospedagem

Backups e restaurações

O backup é uma funcionalidade da atividade do seu site que está disponível nos planos Negócios e eCommerce. Ele executa backups automáticos do seu site, permitindo que você escolha um ponto no registro de atividades e restaure o site para o estado exato em que ele estava naquele momento.

Quais dados estão inclusos no backup?

Fazemos backups dos seguintes dados:

  • Seu banco de dados do WordPress (especificamente, quaisquer tabelas que comecem com o prefixo de tabela do WordPress e que também tenham uma chave exclusiva ou primária).
  • Todos os arquivos nos diretórios de pluginsmu-pluginstemasuploads.
  • Outros arquivos selecionados dentro do diretório wp-content.

↑ Tabela de Conteúdo ↑

Com que frequência os backups são feitos?

Os backups diários geralmente ocorrem 24 horas após o backup anterior. Não é possível definir uma janela de tempo específica para os backups diários.

↑ Tabela de Conteúdo ↑

Como acessar os backups

É possível encontrar os backups no painel do seu site como parte do registro de atividades. Acesse Meu site → Jetpack → Registro de atividades.

registro de atividades do jetpack
Como acessar o registro de atividades

Se quiser acessar somente o backup mais recente, clique em Meu site → Jetpack → Backups. Será exibido o backup mais recente do seu site. Porém, no registro de atividades, você verá uma lista de todas as atividades, bem como os pontos de restauração do seu site. Veja abaixo como restaurar o site usando um backup no registro de atividades.


↑ Tabela de Conteúdo ↑

Como restaurar o site usando um backup

Para restaurar o site usando um backup, selecione um ponto no registro de atividades. Para isso, role a tela até uma determinada alteração ou use o intervalo de datas e/ou os filtros de tipo de atividade.

Assim que encontrar o ponto de restauração, clique na elipse (três pontos) ao lado dele.

Como selecionar um ponto de restauração.

Depois de clicar nos três pontos, selecione Restaurar até este ponto.

Você será solicitado a confirmar quais partes do site gostaria de restaurar. Isso inclui:

  • Temas do WordPress: isso deixará a pasta de temas do seu site exatamente como estava no ponto de restauração escolhido. Dependendo do tema de terceiros que você está usando, não será necessário restaurar as configurações do tema.
  • Plugins do WordPress: isso deixará a pasta de plugins do seu site exatamente como estava no ponto de restauração escolhido. Dependendo do plugin de terceiros que você está usando, as configurações do plugin não necessariamente serão restauradas.
  • Uploads de mídia: isso deixará o conteúdo da sua biblioteca de mídia exatamente como estava no ponto de restauração escolhido. Observe que, se o conteúdo foi adicionado após o ponto de restauração, ele poderá ser perdido.
  • Raiz do WordPress: isso deixará os arquivos da raiz do WordPress exatamente como estavam no ponto de restauração escolhido.
  • Diretório WP-Content: isso deixará a pasta do wp-content e o conteúdo dela exatamente como estava no momento do backup. Observe que essa ação não vai restaurar as pastas de temas, plugins ou uploads de mídia (veja acima).
  • Banco de dados do site: restaurará o conteúdo de posts, páginas, comentários e, dependendo dos temas e plugins de terceiros, algumas configurações de plugin e tema.

Observe que um backup substituirá e removerá todo o conteúdo e as configurações criados após um determinado ponto, podendo resultar na perda de ambos.

Selecione Confirmar restauração para iniciar a restauração do site.

Depois de concluída a restauração, você receberá uma notificação por e-mail.

Tenha em mente que os backups podem levar algum tempo para serem concluídos, podendo ser poucos minutos ou algumas horas, dependendo do tamanho do seu site.


↑ Tabela de Conteúdo ↑

Quando usar os backups

Os backups são uma ótima ferramenta para usar nos seguintes casos:

  • Se você está perdendo conteúdo e não é possível recuperá-lo por meio das revisões de post e página.
  • Você instalou um plugin/tema que trava seu site, sabe qual deles é o culpado e tem um backup disponível.

Plugins e temas com frequência causam conflito entre si e, se for o caso, fazer a restauração para um backup nem sempre solucionará os problemas que você está enfrentando com possíveis conflitos.

Se estiver em dúvida sobre a perda de conteúdo como resultado da restauração de uma versão em backup no seu site, primeiro exporte o conteúdo para fazer backup dele.

↑ Tabela de Conteúdo ↑

Perguntas frequentes

Tenho um arquivo .tar.gz do meu backup anterior e quero restaurá-lo. Como fazer isso?

O arquivo de backup .tar.gz precisa ser restaurado manualmente. Para isso, siga este guia: Jetpack: restauração manual de uma versão em backup (começando pela etapa 5).